Dra Julia Broetto, Cirurgião Plástico em Maravilha, Av. Sul Brasil, 583 - Conj. 306 - Centro, Maravilha/SC - Fone: (49) 3025-3108
Novidades
Capa >> Cirurgias da Mama >> Como escolher a prótese de silicone para as mamas?

Como escolher a prótese de silicone para as mamas?

proteseTomada a decisão de aumentar as mamas, surge uma nova dúvida: como escolher o implante de silicone ideal para o seu caso? A resposta para isso é muito mais complexa do que parece e depende, entre outras coisas, do aspecto da mama atual da paciente, do tamanho do seu tórax e da expectativa da paciente em relação a cirurgia e aos resultados. Os implantes variam basicamente quanto ao volume (diâmetro e projeção), formato e cobertura.

O volume do implante ou prótese de silicone faz também variar a sua base e projeção. Um mesmo volume pode resultar em uma mama mais projetada ou mais baixa, dependo do modelo de implante. Para decidir qual será usado em cada caso, o cirurgião leva em consideração o tamanho do tórax da paciente e o seu desejo de resultado. O formato do implante pode ser redondo, cônico ou anatômico e a escolha se dá pela necessidade da paciente, dependendo se o objetivo é preencher predominantemente o polo superior ou inferior da mama, com resultados mais ou menos naturais. Em casos de mamas caídas, por exemplo, onde há mais tecido no polo inferior, usa-se com mais frequência o implante redondo, já em casos de reconstrução de mamas retiradas por câncer, onde não há resquícios da mama original, o resultado é mais natural utilizando-se implantes anatômicos. Ainda quanto a cobertura, os implantes de mama são atualmente quase todos texturizados, os lisos caíram em desuso, e podem ou não ser recobertos por poliuretano, sendo esta escolha do cirurgião, já que não há consenso de seu uso na literatura.

Além de todas essas variações, há ainda a posição do implante que precisa ser decidida: na frente do músculo, parcial ou completamente atrás dele, ou ainda, atrás da fascia muscular da região do tórax. A decisão deste quesito depende muito da experiência do cirurgião com determinada abordagem e da cobertura subcutânea do tórax da paciente. Pacientes muito magras, as vezes precisam de uma cobertura muscular adicional para um resultado mais natural. De qualquer forma, após explicação do médico das vantagens e desvantagens das diferentes abordagens, cirurgião e paciente decidirão juntos a melhor posição do implante.

Dessa forma, não adianta a paciente desejar o mesmo volume da prótese da amiga ou da modelo famosa da televisão, tudo vai depender do biótipo de cada pessoa. Para um resultado apropriado, explique o seu desejo para o cirurgião plástico, ele saberá escolher qual a melhor prótese para atingir o resultado desejado. Lembre-se de procurar sempre um Cirurgião Plástico membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, é através da sua experiência que o resultado esperado será alcançado.

Por fim, devemos lembrar que a escolha da marca do implante deve ser feita com cautela, pois existem muitas empresas, mas nem todas seguem padrões rigorosos de qualidade. Como dica, vale a pena perguntar se o implante escolhido é aprovado além da ANVISA,  pelo FDA americano, que é extremamente rigoroso na aprovação de implantes de silicone.

DRA JULIA BROETTO - CIRURGIA PLÁSTICA

CRM/SC 20440 – RQE 11729

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


− 4 = um

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Dra Julia Broetto, Cirurgião Plástico em Maravilha, Av. Sul Brasil, 583 - Conj. 306 - Centro, Maravilha/SC - Fone: (49) 3025-3108